Arquivo do mês: fevereiro 2011

Dia de Vênus



Acordar no domingo as 6:00 da manha, só por um bom motivo

Recebi um convite de amigas super queridas pra participar de uma corrida pelas ruas da cidade, depois da inscrição, boletos bancários, filas pra pegar o kit, nos encontramos hoje cedo na porta do Jockey Club: a Denise, Dominique, D. Penha, Denise, Wal e eu.

2011 Circuito Venus (homenagem a Deusa da beleza e amor), a maior corrida brasileira exclusiva só pra mulheres, além da corrida mil atividades por dois dias: yoga, pilates, manicure, massagens. “Programa super mulherezinha”.

Dá pra imaginar 2500 mulheres correndo, caminhando…. a turma da direita (a que tá subindo) são corredoras “profissas”, a turma da esquerda está um tanto a passeio e no bate papo. Onde é que eu tava?

Foi tudo bem pensado, água, isotônico, frutinhas, e pra atender a mulherada tinha banheiro pelo caminho, com direito a fila e tudo, “o povo num guenta mesmo”

A reta final é sempre empolgante e o blá, blá, blá da mulherada, na saída da prova, era que Daniela Cicarelli havia completado a prova em 25 min, blá, blá.

E como tudo termina em festa, camisetas, medalha, pingente de cristal, carinho das amigas e muita endorfina pra levar pra casa.

Um ship foi amarrado no tenis pra marcar o tempo da prova que foi informado por SMS no meu celular logo que acabou a prova (48 minutos). VALEU!

 

Anúncios

1 comentário

Arquivado em ACONTECE, DEUSA DO FEMININO, IMPERDÍVEL

A rainha do Samba é Oxum, a orixá da fertilidade


 

Manha pré carnavalesca com o Workshop de Samba, pra blogueiras organizado pela @lilianeferrari na Pulsarte, com a Solange Ferreira, rainha de bateria da Vai Vai por 7 anos.


 

A aula foi uma delícia, super didática,  ainda mais quando ela nos apresentou uma aluna muito especial, a Kanae, uma japonesinha de Osaka que depois de tanto vir ao Brasil pro Carnaval, decidiu entrar no samba e escolheu a Solange como professora, ela mudou de país e com seu corpo escultural desfila como passista da X9.  Solange afirma que todo mundo pode sambar e que uma aula queima 600 calorias,( Kanae que o diga, segundo ela tem tendências pra engordar.)

A Solange me contou que a palavra Samba significa brincadeira, brincar com o corpo, soltar o quadril com liberdade e tem como orixá Oxum.  A dança de Oxum é mímica da mulher faceira que se  embeleza e exibe os colares,  faz barulho com as pulseiras de cobre é vaidosa, sorri diante do espelho e é  feliz, e sedutora.

Oxum, rebola mexe os quadris, orixá das águas, é a deusa da fecundidade e da criação.  As mulheres pedem pra ela quando desejam ter filhos, ela também ajuda nos partos. Orixá da fecundidade, revive as deusas lunares de várias mitologias, que simbolizam a terra-mãe. (Todos os ingredientes que adoro: feminino, tradição e ritual.)

Ao invés de rasgar a fantasia a Kanae vai é tirar o kimono e já tá a ponto cair na folia.

Depois de todas essa historia deu mais vontade ainda de aprender a sambar, a Solange vai dar 2 workhopos antes do Carnaval na Pulsarte. E pra quem tiver vontade de se aprofundar no tema,  ela dá um curso regular de dança afro, aos sábados.

 

Deixe um comentário

Arquivado em ACONTECE, ANCESTRAL, DEUSA DO FEMININO, Mãe Natureza, mito, SHAMANICOS