Arquivo da categoria: ACONTECE

Navegar de Balão


Dia 20 de agosto de 2016, a única previsão garantida seria de fortes emoções

2 copy

Regata Aratú Maragogipe a maior regata fluvial do Brasil,

2.3

Desde 1969  os antigos e tradicionais saveiros faziam uma regata para homenagear o padroeiros da cidade de Maragogipe “Regata de São Bartolomeu”. A regata original era apenas de saveiros, atualmente é uma grande festa pra todos os amantes do mar.

3.3

Foi minha primeira regata de competição. Mais de 100 barcos de velas içadas, subdivididos em 4 categorias, se amontoavam na Bahia de Todos os Santos

4_o

Observar a maré, os ventos e definir uma estratégia de largada, tudo calculado,   saímos bem, mas alguém queimou a largada

9.1

                                O mar ainda estava pontilhado em branco e preto.                                                                 E todos manobraram de volta. Mais 15 minutos de espera,                                  mais uma vez decidir que direção tomar com um vento cada vez mais indeciso.

8

Literalmente,  uma fragata da marinha entre nós.

9

O mar foi colorido por balões inflados pela popa.

10

O roteiro era pré-determinado, as boias foram previamente definidas, mesmo assim surpresas cruzavam nosso caminho, era  necessário redobrarmos a tenção.

12.1

                 Hora de abrir Gennaker, 125m de tecido, um tamanho gigantesco,                       um peso enorme, suspenso em apenas três pontas.

11

E ficou aberto em uma asa de pombo de 20 metros de altura

12.2_o copy

Pouco a pouco vamos ganhando posições e navegando sobre o Rio Paraguaçu

34

E vamos nos aproximando dos barcos que saíram na primeira bateria, como os antigos Saveiros, os grandes mestres por estas águas.

13

Milha a milha a chegada se aproxima, e deixo de ser marinheira de primeira regata.

15

 Maragogipe na linha do horizonte.

Deixe um comentário

Arquivado em ACONTECE, FESTAS POPULARES, RODAR O MUNDO, VIAJEI

Dois de fevereiro, dia de Iemanjá


Dia dois de fevereiro
Dia de festa no mar
Eu quero ser o primeiro
A saudar Iemanjá

Escrevi um bilhete a ela Pedindo pra ela me ajudar

Ela então me respondeu
Que eu tivesse paciência de esperar

O presente que eu mandei pra ela

De cravos e rosas vingou
Chegou, chegou, chegou

Olinda, 2008, parteiras fazendo uma oferenda a Iemanjá na abertura ecumenica do Congresso Cais do Parto

texto: Dorival Caymi,  fotos: Bia FIoretti

 
 
 

Afinal que o dia dela chegou

1 comentário

Arquivado em ACONTECE, ANCESTRAL, DEUSA DO FEMININO, Homenagem, mito, RODAR O MUNDO, SHAMANICOS, TODOS OS SANTOS, Tradição

Video Mapping


O Vídeo mapping é uma pintura de luz na arquitetura, é considerada o futuro da projeção. Uma ilusão ótica através do mapeamento do espaço físico, imagens são projetadas  direto na arquitetura sem tela de projeção

O Processo é complexo e exige uma superprodução, mas dá pra ter uma idéia nesse vídeo da Casa Botines, um prédio criado por Gaudi na Espanha. Fachadas, colunas, janelas, portas, qualquer superfície pode ser mapeada. A primeira fase é a planta, a analise da potencia do projetor e as suas distâncias, depois é criado o conteúdo em vídeo que é sincronizado, com a ajuda de um software, as imagens o som os projetores gerando uma ilusão de ótica ou cenários.

Ou pode ser feita uma mega interferência como esse outro video, em Houston no Texas, George R. Brown Convetion Center

Essa semana fiz um curso de mapping na Escola São Paulo com o videoartista e diretor de arteJosé Luiz Sampaio, que desenvolveu uma linguagem própria de video arte

Depois de 4 dias de curso ele mostrou seu trabalho no show da Blubell, uma cantora empoderadíssima, com personalidade própria, que ainda vai dar o que falar,  ela lançou dia 21/01/2010 o seu segundo CD no Sesc Pompeia, com participação de Baby Brasil (outra mulher revolucionária que fez história). O evento foi ótimo os videografismos integradissimos na música com a direção de arte  foi um fechamento de curso com chave de ouro.

Aqui vai uma palhinha da música da banda da Bluebell, que canta na abertura do Seriado Aline da rede Globo, agora a referência do trabalho do Zé vc terá que esperar o proximo show ou a próxima aula dele.

Agora, mais uma referência de mapping aqui no Brasil que circulou pela rede no ano passado se vc não viu, veja pelo menos o final surpeendente desse trabalho

4 Comentários

Arquivado em ACONTECE, AMBiANCE, ARTE, FASHION

Hoje é o dia Internacional da Menstruação


02 de maio, segunda-feira!

1 milhão de mulheres celebrando sua menstruação!

Quando a Sabrina Alves, criadora do Clã dos Ciclos Sagrados, me convidou a integrar uma campanha internacional de celebração da menstruação eu vibrei! Eu, Bia Fioretti, estudo há anos os Ritmos do Feminino, os significado da menstruação e seus ciclos. Esse é um dos meus temas favoritos quando entrevisto as parteiras (já são mais de 900 mulheres ocidentais no projeto “Resgate da Essência do Feminino Mães da Pátria“). Eu pessoalmente sempre curti todos os 28 dias do meu ciclo.

Foi um grande desafio traduzir graficamente o que é menstruar e foi também uma grande experiência interior pra mim.

A primeira idéia foi representar graficamente um pingo de sangue.

A menstruação é um gotejar no sentido em direção a mãe terra. O que significa o pingo? A mulher selvagem, como as mamíferas, ciclavam sem absorvente e derramavam seu sangue na terra, a terra conseqüentemente absorvia esse pingo. Hoje em dia temos absorventes potentes e só vemos uma mancha, quando entramos em contato com esse pingo, dentro do chuveiro, por exemplo, é o pingo que caiu no azulejo gelado e impermeável. Não seria o mesmo impacto de ver um pingo de sangue de um acidente com faca ou um assassinato? Esse pingo tem dor associado a sua forma por isso desisti da forma de pingo.

A segunda idéia foi trazer a Celebração 

Menstruar deveria ser uma celebração da mulher, apesar de muitas não gostarem ou não saberem se conectar com esse período. A idéia foi o buscar a textura do vinho e o pingo da marca do vinho para representar a menstruação, mas a marca do vinho é característica e uma coisa não tem nada com a outra.

FLUIR – finalmente a intuição que eu buscava,  o movimento da tinta dentro da água

é o movimento de se entregar, é fluir na leveza de libertar a pressão que estava no seu interior.

É voar ou mergulhar? Pra quem percebe o alívio que temos ao menstruar sente  um prazer maior, que qualquer dor ou cólica, o desconforto vira descompressão e limpeza interior é o momento que jogamos muitos rancores no lixo. É a hora que o seu consciente se une ao inconsciente e flui em direção a terra.

Se vc gosta e quer se aprofundar no tema, hoje vamos comemorar essa data com um bate papo e uma programação especial, é só trazer 2 kilos de alimento

PROGRAMAÇÃO:

16hConference Call com a ativista menstrual americana autora do livro “Becoming Peers:Mentoring Girls into Womanhood”,  DeAnna L’am.Menstrual Monday – A Worldwide Sisterhood” (Segunda Menstrual: a irmandade mundial) com tradução.

+PALESTRAS:
17hs: “Magia e prazeres dos ritmos do feminino” – Bia Fioretti
18hs: “Cyber Ativismo Menstrual” – Danielle Sales
19hs
: “O potencial criativo da Menstruação” – Monika Von Koss
20hs as 21hs30
 – Mesa-redonda com Mediação de Sabrina Alves: Monika Von Koss, Danielle Sales, Bia Fioretti e participação de perguntas.

 Instituto Naradeva ShalaR. Coriolando, 169/171 (próximo ao Shopping Bourbon e ao Sesc Pompéia)

www.naradeva.com.br+Informações: http://www.campanhasegundavermelha.org/2vermelha     www.cladosciclossagrados.com +Siga-nos: TWITTER: @SegundaVermelha  +FACEBOOK   Fanpage: Campanha2aVermelha

3 Comentários

Arquivado em ACONTECE, ANCESTRAL, de Mãe para Filha, Mãe Natureza, MENSTRUAÇÃO

Democracia da Arte e da informação


Talvez vc não conheça o Gejo, o Maldito, pessoalmente mas já deve ter visto a arte dele pelas ruas da cidade. Gejo é um dos famosos personagens urbanos que levou o grafite dos muros pras galerias.

olha ele aí assinando suas obras, originais e serigrafías

Mesmo tendo conquistado a elite paulista ele não perdeu sua essência, pelo lado maldito ele é crítico, protesta, questiona, dialoga com personagens dando asas a vermes peçonhetos pseudo asquerosos.

7º FreeArt Fest

Primeiro Gejo interferiu na poluição visual da cidade, ele e sua turma pegavam, a noite, essas placas do tipo “vende-se” grafitava e devolvia, assim a arte era deixada na rua, portas de edifîcios, esquinas, pontos de onibus, pra quem tivesse afim de pegar.

porta da galeria no dia da abertura do FreeArt Fest

A brincadeira do artista que nunca deixou a rua virou evento, o Free Art FEST a Monica Figueiras topou o festival  e abriu a galeria. A proposta é: os artistas doam obras e a população pode pegar de graça, o movimento formal aconteceu.

 

Eu conheci Gejo, o Maldito na rede social e ele me convidou a participar, doei 5 fotos do meu arquivo de casas de parteiras, uma pra cada edição.

11:00, maior fila lá fora, nem sinal das senha, mas olha ele aí montando a exposição

A 7º edição do Fre ART fest foi dia 26 de março, na véspera o jornal Destaque (de circulação livre) fez uma matéria, veja bem o “poder dos gratuitos” uma midia free notíciando uma galeria de elite que doava arte a população, esse era o assunto do lado de fora.

Sabadão ensolarado,  a fila na Bela Cintra chamava  atenção, o primeiro chegou as 6:00 da manhã. Eu me achando prudente cheguei as 10:00 (fui número 71), moradores do bairro não entendiam nada, “arte de graça?” Alguns moradores iam pra fila também.

o segurança não acreditava "vão dar os quadro de graça mesmo?"

Chegava gente, chegava gente… todas as idades, todas as classes sociais, todas as classes culturais, sem privilégio. Quer uma obra? Fique na fila! Senha as 11:00.

Eu perguntei pro pessoal da fila, todos estavam ali ou por meio do jornal gratuito ou por meio da rede social que também é gratuita.

o senhor de idade está no meio dessa fila, eu fiquei onde esta o carro

Simplesmente incrível estar vivendo isso! Nem idoso, nem criança, nem expositor todo mundo tinha o mesmo direito. “ É por órdem de chegada, fila, senha, uma obra por senha!”


Muito burburinho, 200 senhas distribuídas, depois as portas da galeria foram abertas, um entre e sai de gente, um vai e vem, cada um namorando uma obra,

até às 14:00 quando as portas foram fechadas, mais tumulto,

o primeiro da fila escolheu a rosa azul

música, dança, arte ao vivo lá fora

o prazer também era do artista que doou a foto ao ver que ela tinha sido escolhida

chamados de dez em dez números os privilegiados entravam e escolhiam uma obra

Esse menino chegou cedinho, no meio da história o pai reclamava, "eu tenho uma criança , eu tenho que ficar na fila? O menino tá com fome." Acho eu que fome de arte! rsss

cada um que saía era um alívio ou uma tristeza

"Eu queria o quadro que saiu no jornal"

Cada um com um sorriso no rosto.

Essa obra é minha, eu tenho senha!

O Gejo é reconhecido pelo grafite do tatu amarelo, na minha vez de escolher, encontrei um tatu vermelho, não tive dúvida, bateu aquela minha vocação de “essência do feminino” e eu pirei ao imaginar que era uma tatu menstruada num fundo cheio de rendas e fricotes verde amarelo.

Bendito seja essa “maldito” a próxima edição 30 de abril

2 Comentários

Arquivado em ACONTECE, ARTE, BiADAGENS, IMPERDÍVEL, NEM TE CONTO!

Super Lua! A lua mais perto da terra.


Na próxima segunda (dia 14 de novembro de 2016) a lua estará numa órbita muito próxima da terra e pode aparecer até 30% maior e mais brilhante que o normal, será perceptível na hora dela subir no horizonte, no por do sol. Esse fenomeno é conhecido como Supermoon, super lua ou como Perigeu Lunar

A lua vai estar linda, romântica, puro feitiço, mas veja bem essa mesma LUA influencia as marés por ação gravitacional e os fenômenos climáticos, esse tamanho exagerado estimula as forças da natureza como terremotos, vulcões e maremotos.

Uma das vees que ela passou próximo a terra foi dia 10/01/2005 dia do terremotos da Indonésia. Durante o Katrina também coincidiu com a supermoon, os anos de 1955, 1974 e 1992 também foram marcados por essa lua e desastres climáticos.

Essa matéria saiu no Yahoo, dia 09 de março, véspera do desastre no Japão, coincidência? Naquela data a a lua era crescente.

_PERIGEU,  QUE FENOMENO É ESSE? A Lua gira ao redor da Terra, sua órbita não é uma circunferência perfeita, é uma elipse, assim, enquanto gira ao redor da Terra, a Lua pode ficar mais perto ou distante do nosso planeta. O perigeu é o oposto do apogeu. O apogeu de um astro é o seu menor tamanho visível é quando ele está mais longe, quando o astro está no apogeu de sua órbita (ponto mais distante da Terra) está no seu menor tamanho visível para nós, quando ele está no perigeu é o seu maior tamanho para nós, a menor órbita e a mais perto da terra.

_DO LADO MÍSTICO – durante o Perigeu, as forças de Lilith (a energia feminina, sedutora, que vive no lado negro da Lua) estão mais amenas agora estará representada pela Anciã, reverenciada na cultura Celta que significa a sabedoria e o aprendizado.

_DATAS de Março dia 23: Super Luadia 21 às 20h e 21min o equinócio da mudança de estação para o outono (quando em todo planeta o dia e a noite tem o mesmo numero de horas) • dia 22: Dia Mundial da Água , criado pela ONU (Organização das Nações Unidas) em 1992.

Independente dos riscos, profecias ou teorias apocalípticas, o Perigeu + troca de estação significa um momento de grandes transformações. Pense nisso, não crie resistências se vc tiver em fase de mudanças, se entregue e deixe a energia fluir!

15 Comentários

Arquivado em ACONTECE, INESQUECÍEL, Mãe Natureza, SEGREDOS DE ESTADO

Dia de Vênus



Acordar no domingo as 6:00 da manha, só por um bom motivo

Recebi um convite de amigas super queridas pra participar de uma corrida pelas ruas da cidade, depois da inscrição, boletos bancários, filas pra pegar o kit, nos encontramos hoje cedo na porta do Jockey Club: a Denise, Dominique, D. Penha, Denise, Wal e eu.

2011 Circuito Venus (homenagem a Deusa da beleza e amor), a maior corrida brasileira exclusiva só pra mulheres, além da corrida mil atividades por dois dias: yoga, pilates, manicure, massagens. “Programa super mulherezinha”.

Dá pra imaginar 2500 mulheres correndo, caminhando…. a turma da direita (a que tá subindo) são corredoras “profissas”, a turma da esquerda está um tanto a passeio e no bate papo. Onde é que eu tava?

Foi tudo bem pensado, água, isotônico, frutinhas, e pra atender a mulherada tinha banheiro pelo caminho, com direito a fila e tudo, “o povo num guenta mesmo”

A reta final é sempre empolgante e o blá, blá, blá da mulherada, na saída da prova, era que Daniela Cicarelli havia completado a prova em 25 min, blá, blá.

E como tudo termina em festa, camisetas, medalha, pingente de cristal, carinho das amigas e muita endorfina pra levar pra casa.

Um ship foi amarrado no tenis pra marcar o tempo da prova que foi informado por SMS no meu celular logo que acabou a prova (48 minutos). VALEU!

 

1 comentário

Arquivado em ACONTECE, DEUSA DO FEMININO, IMPERDÍVEL