Arquivo do mês: agosto 2010

Pachamama – a grande Deusa


ícone da Pachamama é representada pela renovação, parindo um mundo novo.

1º de agosto, hoje é o dia da Pachamana.

Para os andinos é a mãe Terra. Palavra do quíchua, língua dos índios peruanos, mas Pachamana é mais do que uma palavra, significa viver em harmonia total com o planeta.

Pacha = universo, mundo, lugar, tempo / Mama= mãe / Pachamama = a abundância de tudo

É a fonte, é abundância, é renascimento do planeta. É a vida, as estações do ano, a fecundidade, os ciclos morte e renascimento – Pachamama é a semente, É parir a si mesmo, a continuidade da vida

Conectar-se com a grande mãe é se conectar com a abundância da vida

As montanhas do Himalaia representam a irradiação magnética do masculino, enquanto qua a Cordilheira dos Andes é o polo do feminino.

Segundo os Andinos, uma das mudanças previstas pra 2012 é completar a troca da polaridade da energia do planeta. Até poucos anos o planeta foi regido pela energia  masculina localizada no Himalaia, que favorecia o desenvolvimento da razão,  tecnologia e ciência, essa força agora,  está sendo levada apara um 2º plano. A gora desperta nos Andes uma fonte  feminina, o planeta não estará com seu foco em conquistas do desenvolvimento racional e sim dará o lugar à energia de social de proteção. 

O planeta passará ser regido pela energia de transformação e germinação. Pachamama é a mãe dos homens, ela amadurece os frutos, multiplica o ganho, acaba com as pragas e traz sorte aos lares.

Isso não é uma questão de genero entre homens e mulheres, as mulheres não serão melhores que homens ou vice-versa,  é uma energia da preservação, do cuidado com o planeta e com as pessoas. O desenvolvimento tecnológico será para proteger, reciclar, transformar  e não destruir o meio ambiente.

Será que isso já não começou?

Os andinos fazem oferendas, milho, comida cozida, folha de coca, tabaco, cerveja, doces enterrados enterrados perto de casa.

Diz a lenda que Pachamama é uma velha senhora, e quem a vê retorna aos Andes.

Senti a presença dela enquanto debulhava o milho, nessa foto em uma feira livre, em Otavalo no Ecuador ! O que você acha?

Anúncios

5 Comentários

Arquivado em ANCESTRAL, DEUSA DO FEMININO, EXPERÊNCIA DE VIDA, INESQUECÍEL, masculino e feminino, mito, RODAR O MUNDO, SHAMANICOS, Tradição

Animado, Anima Mundi 2010


As férias de julho terminam com chave de ouro, Anima Mundi em São Paulo, desde quinta 20/07 estamos aproveitando ao máximo.(Eu nunca tinha ido ao Memorial da America Latina, é mais fácil do q eu imaginava, o lugar é bem legal e com boa infra, venci a barreira de chegar lá.)

As oficinas são bem interessantes. Eu, e o Pedro (12 anos) escolhemos uma oficina de massinha, onde na entrada se formavam os grupos, o nosso foi o Daniel (10 anos) e a Flavia Nascimento, Rodrigo (13 anos), Priscila. Olha só o resultado de uma hora de trabalho, o roteiro e o nome foram iniciativa das crianças. O programa que faz essa animação é bem simples e se chama MUAN, versão 8.3 (plataforma Linux) dizem que é só baixar. Valeu, Henrique Köpkg, orientador do grupo, as crianças  tiveram uma grande experiência e nós tbem, confira aqui:

Longa de animação : Vimos o filme australiano “Max & Mary” UMA AMIZADE DIFERENTE  de Adam Elliot’s,  vencedor do Oscar Award “Hervey Krumpet “.  O texto é incrível, a animação tbem, vc entra totalmente na história q me parece ser real. Ela aborda a Sindrome de Asperger, um tipo de autismo que resulta e dificuldade de realcionamento, dificuldade de interação social, falta de empatia, interpretação muito literal da linguagem, dificuldade com mudanças, perseveração em comportamentos estereotipados.  Um papo bem cabeça, numa linguagem muito fluida, não é bem pras crianças, tive que explicar um montão de coisas. Amei, recomendo! veja o trailer

venceu melhor longa metragem, juri popular Rio e São Paulo

Curta de animação

“Eu Queria Ser um Monstro” – Direção de Marão – Escolhido Melhor Filme Brasileiro no Anima Mundi Rio 2010 – Produzido por: Marão Filmes e Rocambole Produções –

” Margarita”  direção  Alex Cervantes – Esse filme espanhol com toda sua ingenuidade cativou a platéia infantil, muito bem executado.

mas pra mim o desenho mais rico graficamente foi dessa diretora húngara, Maria Horvath não achei o link do filme : Contos Húngaros que passou na mostra mas achei esse aqui.

ESSE NÃO PASSOU NA AMOSTRA, mas dá pra notar o talento da diretora

Ainda é uma ótima dica pro final de domingo, o Anima Mundi fica até as 22:00h e hoje é o dia da premiação. Corre que dá tempo!

OS PREMIADOS do ANIMA MUNDI

Deixe um comentário

Arquivado em ACONTECE, ARTE, FILHOTES DE GENTE, RODAR O MUNDO